Como uma respiração

frontal ferzan.jpg

Autor: Ferzan Ozpetek

Páginas: 196

Formato: 14x21

Ano: 2021

Preço: 49,90

ISBN: 978-65-86022-39-1

Em uma manhã de domingo como muitos outros, Sergio e Giovanna convidaram seus melhores amigos para almoçar. Eles estão cuidando dos preparativos finais enquanto aguardam a chegada de seus convidados quando uma mulher aparece na porta pedindo para ver a casa. Ela explica que costumava morar lá há muitos anos e que veio de Istambul. Ela carrega na bolsa um maço de cartas antigas que ninguém nunca abriu. É assim que Ozpetek inicia seu mais novo romance: um mistério sentimental denso de emoções, que tece segredos novos e antigos, levando o leitor de volta aos anos sessenta, de Roma a Istambul, em uma série evocativa de reviravoltas. Quem é essa mulher estranha? Que mistério está escondido além da janela da cozinha que ela fica olhando? E que mentiras estão escondidas por trás da amizade que liga Sergio e Giovanna aos seus convidados?Uma história de amor impossível, duas irmãs separadas por um segredo indizível, traições que foram ignoradas por muito tempo. E, acima de tudo, uma Istambul mágica e decadente que não existe mais, feita de banhos turcos e bairros antigos que desapareceram, assim como a cidade que Ozpetek retrata em seus filmes.