top of page

14x21

100 Páginas

ISBN: 978-6598052225

Preço: 49,90

A Mão

A Mão é uma coleção de cinquenta poemas, divididos em cinco seções, cinco como os dedos de uma mão se estendendo para o leitor. A coleção é uma ponte, uma ligação entre o eu poético e o outro, a busca constante do homem e do humano em que os versos de Avolio se apresentam como intérpretes do mundo moderno, expressão não só das sensações que o poeta como também de essas dúvidas, essas emoções e pensamentos que atravessam o homem contemporâneo na sua infinita complexidade.

 

"A Mão" tem um núcleo central, constituído por poesia, que se ramifica em cinco macro-seções, cada uma dominada por um tema principal: amor, dor, compromisso civil, invectiva e impressão. Cada seção contém dez composições escolhidas pelo poeta para traçar um itinerário por meio de sua própria sensibilidade, sua própria "lupa" - como escreveu ele no início do Manifesto de sua poética. O livro constitui um projeto claro e definido, uma visita guiada passo a passo, na qual envolve o leitor não só na leitura dos versos, mas na sua própria redação; o autor, de fato, cedeu para contribuir com o trabalho criativo, deixando ao leitor a possibilidade de dar um título próprio a cada poema, depois de escolhê-lo entre os que mais se adequam ao seu estado de espírito.

 

"A Mão" é a obra mais completa e madura de Avolio, contendo a expressão clara da poética do autor, cujo objetivo é deixar claro ao homem contemporâneo o quanto o Verso ainda pode ser uma ferramenta comunicativa hoje fundamental e o quanto precisamos - hoje mais do que nunca - poetas e poesia.

bottom of page